Frutal tem um óbito causado pela doença em 2019. Dados são do Boletim Epidemiológico publicado nesta segunda-feira (29) pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais.

Oito mortes por dengue estão confirmadas em Uberlândia neste ano, conforme o Boletim Epidemiológico publicado nesta segunda-feira (29) pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG). Até o último boletim, divulgado na semana passada, dois óbitos pela doença estavam confirmados. No momento, cinco mortes prováveis por dengue registradas no município estão sendo investigadas pela SES-MG.

Frutal, também no Triângulo Mineiro, tem uma morte confirmada este ano, de acordo com publicação da SES-MG. Ao todo, são 66 óbitos em investigação no estado.

Os dados do boletim divulgado nesta segunda-feira (29) são relativos até a última sexta-feira (26). Uberlândia continua classificada com incidência “muito alta” para dengue, com 12.272 casos prováveis da doença. Isso significa quase 106 notificações diárias na cidade.

Ainda no Triângulo, Uberaba aparece como a segunda cidade com maior quantidade de casos suspeitos de dengue na região. O município registrou 3.750 casos prováveis da doença neste ano, o que representa mais de 32 notificações diariamente.

Patos de Minas, no Alto Paranaíba, tem 1.993 casos prováveis de dengue e aparece em terceiro (atrás apenas de Uberlândia e Uberaba) na macrorregião em relação ao número de casos notificados.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPE

AGORA É HORA DE SER VOCE?