Além da sujeira, população se revolta com desconforto e risco de doenças respiratórias em crianças e idosos

Moradores do bairro Boa Sorte e demais proximidades tem sofrido com queimadas em terrenos baldios.

Além da sujeira das cinzas que se espalham sobre ruas e casas, a maior preocupação é com o surgimento de problemas respiratórios, principalmente em crianças e idosos.

De acordo com uma moradora do local, que procurou a redação do Portal Davinópolis, a qual preferiu não se identificar, informou que as queimadas são constantes no local. “Ta difícil aqui nas redondezas do Boa Sorte, eles colocam fogo quase todos os dias. Gostaria muito que vocês pedissem para que as pessoas não fizessem isso”, disse a moradora.

Ainda segundo a mulher, sua maior preocupação é com a saúde da sua sobrinha que tem problemas respiratórios. “Minha sobrinha tem bronquite e é muito alérgica. Com essa fumaça as coisas só pioram”. Em conversa com outros moradores da região, as denúncias foram confirmadas.

Foto enviada por morador do Bairro Boa Sorte

Segundo informações desses moradores, donos de lotes baldios, que não fazem limpeza periódica nos locais, aproveitam o tempo seco e de estiagem para atearem fogo no mato que toma conta desses lotes na região.

CRIME

De acordo com o Artigo 250 do Código Penal, queimar qualquer coisa em ambiente aberto é considerado crime. O Código Penal nomeia esses crimes como “crimes contra a incolumidade pública”.

Art. 250: Causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem. Pena: reclusão, de 3 (três) a 6 (seis) anos, e multa.

Colocar fogo em mata ou lixo, mesmo em sua propriedade, pode levar o autor a ser enquadrado na Lei de Contravenções, Código Penal e na Lei de Crimes Ambientais.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPE

AGORA É HORA DE SER VOCE?